Ciência Sem Fronteiras tem chamadas em aberto – Instituto Federal do Paraná

Notícias

Ciência Sem Fronteiras tem chamadas em aberto

Publicado em

Copiado!

Até os dias 05 e 06 de abril há novas chamadas em aberto para bolsas de graduação sanduíche para o programa Ciências Sem Fronteiras. Para a Bélgica e Finlândia, o prazo finaliza nesta sexta-feira (5), às 23h59. Já para a Áustria, China e Irlanda, a finalização é no sábado (6), às 23h59.

Para as bolsas concedidas na Bélgica, há oportunidades para estudos em francês e em inglês. A parceria está dividida entre a Bélgica Francófona (língua francesa), pelo Conseil interuniversitaire de la Communauté français (CIU), e a Flamenga (inglês), com parceria do Conselho de Educação Superior da Região de Flandres. Especificamente para esta chamada, além de fazer a inscrição no site do CsF, o aluno deve se inscrever diretamente na universidade de seu interesse (divulgada no portal “Study in Flanders”). O Programa terá início em setembro deste ano.

Ciências sem Fronteiras

Desde julho de 2011, o sonho de estudar ou trabalhar no exterior já é uma possibilidade real para os estudantes. Visando promover avanços nas áreas de Ciência, Tecnologia, Inovação e Competitividade, o Programa Ciência Sem Fronteiras oferece mais de 100 mil bolsas a estudantes brasileiros em graduação, pós-graduação, doutorado e estágios. Os benefícios oferecidos vão além do pagamento das bolsas, podendo incluir auxílio instalação, auxílio deslocamento, seguro saúde e auxílio material didático.

Para participar, é preciso se preparar e estar atento aos editais. As exigências variam de uma seleção para outra, em virtude do país parceiro. Na maioria das vezes, exige-se que os candidatos tenham nacionalidade brasileira, estejam matriculados em instituição de ensino superior e sejam aprovados em teste de proficiência em língua estrangeira.

O professor Amir Limana, da Pró-Reitoria de Ensino do IFPR, destaca que esta mobilidade dos estudantes entre as instituições traz à eles a possibilidade de ter acesso e se integrar a uma cultura diferente.  A coordenadora de Relações Internacionais do IFPR, Glaucia Julião Bernardo, explica que o Ciência Sem Fronteiras oferece oportunidades que representam muito mais do que estudar em outro país ou em outra instituição: “Além de obter um certificado e/ou diploma de uma instituição estrangeira e aprofundar conhecimentos de outro idioma, esse tipo de experiência traz um aprendizado para a vida”.

 

Os editais para chamadas do CsF são divulgados em https://www.cienciasemfronteiras.gov.br/

Clicando no link Inscrições e resultados é possível conferir as chamadas abertas e obter todas as informações para candidatar-se.

 

Com informações do site Ciências sem Fronteiras 

 

Topo