Pesquisa – Campus Curitiba

Pesquisa

Última atualização:

Copiado!

Tipos de pesquisa

Pesquisa qualitativa: É exploratória, portanto não tem o intuito de obter números como resultados, busca principalmente entender e explicar o porquê dos fatos e/ou comportamentos. É traduzida por aquilo que não pode ser mensurável, levando em consideração particularidades que não são quantificáveis.

Pesquisa quantitativa: Prioriza apontar numericamente a frequência e a intensidade dos dados levantados durante a pesquisa. Os meios de coleta são estruturados e padronizados. As ferramentas estatísticas devem ser aplicadas com rigor para que haja a confiabilidade necessária para, através da amostra, inferir resultados e seus significados.

Pesquisa quali-quantitativa: Trata-se de uma junção de métodos, realizando tanto a pesquisa qualitativa quanto a quantitativa.

Há, dentro destes três tipos de pesquisa, várias possibilidades, tais como pesquisa acadêmica; pesquisa básica; pesquisa aplicada; pesquisa exploratória; pesquisa experimental; pesquisa laboratorial; pesquisa empírica; pesquisa de campo; pesquisa teórica; entre outras.

Grupos de pesquisa/CNPQ

Grupos de pesquisa são núcleos de trabalho com o objetivo de desenvolver a pesquisa científica. Estes se caracterizam pela(s) a(s) linha(s) de pesquisa que executam. São formados por servidores pesquisadores, sendo necessário a definição de um líder, um vice-líder e membros. Todos os participantes do Grupo de Pesquisa deverão possuir currículo Lattes cadastrado no CNPq.

Passo a passo para cadastro de grupo de pesquisa:

  1. O servidor interessado em instituir um grupo de pesquisa deverá enviar um e-mail para dipe.proepi@ifpr.edu.br com o Formulário de Criação de Grupo de Pesquisa devidamente preenchido.
  2. A DIPE cadastrará o líder do grupo de pesquisa no site do Diretório dos Grupos de Pesquisa (DGP) do CNPq e enviará um e-mail, informando-o; 

III. O líder acessa o site http://lattes.cnpq.br/web/dgp, cria seu grupo de pesquisa e envia um e-mail para dipe.proepi@ifpr.edu.br solicitando a certificação do grupo.

  1. A DIPE certifica o grupo de pesquisa e envia resposta ao líder comunicando. A partir deste momento, o grupo passa a ser um grupo de pesquisa válido e a ser visualizado no DGP – CNPq.

Para mais informações, acessar a página do Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq: http://lattes.cnpq.br/web/dgp

Comitê de Ética em Pesquisa (CEP)

Os projetos que realizam pesquisas envolvendo seres humanos, inclusive aqueles que gerem dados a partir de entrevistas, devem ser submetidos ao Comitê de Ética em Pesquisa (CEP).

O CEP é um colegiado interdisciplinar e independente, de caráter consultivo, deliberativo e educativo. Junto à Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP), forma um sistema com a finalidade de: defender os interesses dos participantes da pesquisa em sua integridade e dignidade, garantindo sua proteção; contribuir no desenvolvimento da pesquisa dentro de padrões éticos, observadas a política, as diretrizes e as normas para a pesquisa no Instituto Federal do Paraná (IFPR).

Para maiores informações, consulte a Página CEP IFPR.

Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA)

Todo projeto, aula prática ou atividade de extensão, desenvolvido por profissional de nível superior, graduado ou pós-graduado, vinculado ao IFPR, seja ensino ou pesquisa que envolva animais do Filo Chordata, subfilo Vertebrata, deve obrigatoriamente ter aprovação do CEUA, conforme Lei Federal Nº11.794 de outubro de 2008.

A Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA) do Instituto Federal do Paraná é uma instância colegiada com abrangência institucional que tem por finalidade cumprir e fazer cumprir no âmbito de suas atribuições, de acordo com os Princípios Éticos na Experimentação Animal.

Para maiores informações, consulte a Página CEUA IFPR.

Sistema Nacional de Gestão do Patrimônio Genético e do Conhecimento Tradicional Associado (SisGEN)

Todo pesquisador que, para execução de sua pesquisa, realiza acesso a patrimônio genético e/ou conhecimento tradicional associado ao patrimônio genético deve obrigatoriamente realizar o cadastro de sua pesquisa no SisGEN.

O SisGEN é o Sistema Nacional de Gestão do Patrimônio Genético e do Conhecimento Tradicional Associado. É um sistema eletrônico criado pelo Decreto nº 8.772, de 11 de maio de 2016, que regulamenta a Lei nº 13.123, de 20 de maio de 2015, como um instrumento para auxiliar o Conselho de Gestão do Patrimônio Genético – CGen – na gestão do patrimônio genético e do conhecimento tradicional associado.

Para mais informações, confira a Nota Técnica 01/2018 – PROEPPI IFPR.



Topo

Opinião

Sua opinião é importante para melhorar o site do IFPR.
Responda o questionário e nos ajude a fazer um site cada vez melhor.