Estudante do IFPR no Parlamento Juvenil do Mercosul toma posse e se prepara em Brasília – Instituto Federal do Paraná

Notícias

Estudante do IFPR no Parlamento Juvenil do Mercosul toma posse e se prepara em Brasília

Publicado em

Copiado!

Na semana entre 12 e 16 de dezembro de 2016, em Brasília/DF, o estudante Luciano Gularte de Lima, do Campus Avançado Barracão, participou da cerimônia de posse dos jovens parlamentares do Mercosul.

Eles foram eleitos entre os estudantes da rede pública para o mandato 2016-2018, e do treinamento de formação oferecido para todos os 27 representantes.

No dia seguinte à cerimônia de posse, foi iniciada a preparação dos eleitos por meios de painéis, minicursos, bate-papos e oficinas, como painel sobre o Mercosul, sobre cidadania ética e democrática, sobre protagonismo juvenil, minicurso sobre integração regional, sobre inclusão educativa e, além desses, diversos minicursos sobre igualdade de gênero, jovem e trabalho, direitos humanos e outras atividades.

Além da preparação, Luciano participou de diversas experiências e momentos com os outros jovens parlamentares. No PJM pude conhecer diversas pessoas de estados diferentes, com histórias de vida e culturas variadas. Graças ao Parlamento tive a alegria de conhecer um pouquinho da cultura de cada estado e passar um pouco da minha cultura para outras pessoas, isso não tem preço”, enfatizou o parlamentar do Paraná.

“Devido aos minicursos, painéis e oficinas que tivemos, aprendemos como trabalhar em equipe e expressar nossas ideias. Minha visão de mundo se estendeu bastante e isso me motivou para não apenas mudar o meu estudo, mas mudar, com a ajuda de todos os estudantes, o ensino médio brasileiro, porém sempre levantando a questão, “qual o ensino médio que queremos no Brasil?”, comenta Luciano.

Após esta semana de posse e preparação em Brasília, o aluno começou a colocar em prática a sua proposta “O Ensino Médio que queremos na tri-fronteira”, que visa a integração entre os jovens estudantes que vivem na região da fronteira, estejam estes no Brasil ou na Argentina. Com isso, pretende-se fomentar uma maior troca de informações culturais e reforçar os laços sociais destas comunidades.

“O próximo passo é trabalhar em cima do meu projeto e fazer de tudo para realizar minhas propostas e objetivos nele presente, para assim possibilitar a integração social, o trabalho coletivo e o cooperativismo dos estudantes da região e, talvez, de todo o Mercosul”, finaliza Gularte.

O PJM busca promover o protagonismo juvenil, contribuindo para a integração regional dos jovens parlamentares que, após discussões conjuntas acerca de temas vinculados à educação, como inclusão educativa, participação cidadã, direitos humanos, diversidade de raça, etnia e gênero, integração regional e trabalho, acordam e recomendam a adoção de políticas educativas que promovam uma cidadania regional e uma cultura de paz e respeito à democracia, aos direitos humanos e ao meio ambiente.

Leia mais sobre a trajetória do aluno do IFPR e sobre o Parlamento Juvenil do Mercosul.

Topo