III Jornada de Produção Científica encerra com premiação dos melhores trabalhos – Instituto Federal do Paraná

Notícias

III Jornada de Produção Científica encerra com premiação dos melhores trabalhos

Publicado em

Copiado!

A solenidade de encerramento da III Jornada de Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Sul foi realizada na quarta-feira (01), em Foz do Iguaçu. A Jornada teve 436 trabalhos inscritos, 157 aceitos e onze premiados com o certificado de destaque em sua categoria.

Os trabalhos foram avaliados por uma comissão científica com integrantes dos seis Institutos Federais participantes e da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Para a pontuação, os avaliadores consideraram a postura, o domínio teórico do tema, a apresentação clara e coerente, a redação científica, a pontualidade, entre outros.

Durante a premiação, o diretor geral do Campus Foz do Iguaçu, Luiz Carlos Eckstein, agradeceu o empenho e a participação de todos os envolvidos. “Para nós foi uma honra receber este evento. Quero ressaltar a qualidade dos trabalhos apresentados, isso mostra o comprometimento dos professores, alunos e da Instituição”, disse.

A diretora de Ensino do Instituto Federal do Paraná (IFPR), Maria Angélica Pinto Nunes Pizani, coordenadora geral do evento, explicou a trajetória da Jornada Sul. “A Jornada teve início em 2007, em Santa Catarina; em 2008 o evento foi realizado no Rio Grande do Sul. No ano seguinte, em 2009, o encontro não ocorreu. Em abril deste ano o IFPR se candidatou e foi aceito para sediar a terceira edição da Jornada”, contou. Maria Angélica salientou a importância do encontro e da qualidade dos trabalhos. “A participação de todos é muito importante; precisamos dar continuidade à Jornada para que ela se transforme em congresso”, destaca. A diretora anunciou que em 2011 o evento será realizado no Instituto Federal Catarinense.

A estudante do curso técnico em Agroecologia, Jéssica Tamires Link, do Campus Rio do Sul do Instituto Federal Catarinense (IFC), aprovou a organização da Jornada e ficou feliz com a premiação. “Foi muito bom participar, especialmente, porque pudemos conhecer os diferentes trabalhos desenvolvidos em outros Institutos; foi uma atividade interdisciplinar”, elogiou. Jéssica e sua colega, Maiara Winter, foram premiadas com o trabalho “Águas cinza e filtro de zona de raízes”, em que mostraram como o tratamento das chamadas águas cinza (água saída da máquina de lavar), pode ser feito de forma natural, sem a utilização de químicos para a remoção dos resíduos. Com a orientação do professor Joao Carlos Ruszczyk, as alunas construíram um reservatório aeróbico misto com areia, terra brita e telhas aliado às plantas Taboa e Lírio-do-brejo (veja mais aqui).

Para ver a lista de trabalhos premiados, acesse o Blog Oficial do evento: jornadacientificasul.blogspot.com

Topo