Proens realizou III Encontro de Formação sobre Organização do Trabalho Pedagógico – Instituto Federal do Paraná

Notícias

Proens realizou III Encontro de Formação sobre Organização do Trabalho Pedagógico

Publicado em

Copiado!

A Pró-Reitoria de Ensino (Proens) realizou em Umuarama, nos dias 29 e 30 de novembro, o III Encontro de Formação sobre Organização do Trabalho Pedagógico. A edição anterior  havia sido realizada nos dias 05 e 06 de outubro, no câmpus Foz do Iguaçu.

Vários temas foram tratados com os representantes das equipes pedagógicas das 14 unidades do IFPR, dentre eles um cronograma para a construção coletiva do Projeto Político Institucional do IFPR a partir dos Projetos Políticos Pedagógicos que estão em desenvolvimento nos câmpus, a formação continuada dos professores, o processo seletivo para cursos técnicos e superiores, o calendário acadêmico 2012 e a consolidação da Assistência Estudantil 2012.  Também foi iniciado o debate sobre  novos espaços pedagógicos e salas ambiente no IFPR.

Assistência Estudantil foi um dos temas tratados no evento

Em relação à assistência estudantil, por exemplo, estão sendo traçadas estratégias no sentido de estreitar a comunicação com o corpo discente, fortalecendo e antecipando a divulgação dos programas institucionais de bolsas.  A Pró-Reitoria de Ensino divulgou no evento como distribuirá o recurso da assistência, tendo em vista o aumento de recurso para 2012 e a variedade de bolsas que pretende ofertar. Os participantes do evento também discutiram problemáticas administrativas recorrentes no procedimento de pagamentos de alunos e o sucesso dos Jogos do IFPR realizado em Palmas.

A Pró-Reitoria de Ensino também se responsabilizou por dar  todo o suporte acadêmico necessário aos câmpus para a realização das semana pedagógicas no início do ano letivo de 2012.

Bons frutos

Para o professor Roberto Teixeira Alves, diretor do Câmpus Paranaguá, a formação promovida pela Pró-Reitoria de Ensino é essencial para aproximação dos câmpus, trazendo maior padronização para a forma de trabalho e para os processos. O professor enfatiza como um dos principais temas do evento as considerações sobre o coletivo pedagógico de final de ano. “Enfatizamos a preocupação com o contexto do aluno. Algumas vezes a visão do professor é míope. Não basta realizar uma avaliação acadêmica, é preciso identificar o motivo pelo qual o aluno foi mal na disciplina. Uma queda de desempenho pode ser fruto de um problema familiar ou de saúde”. Roberto Alves destaca que este é um dos fatores que torna essencial a existência de uma equipe multidisciplinar nos câmpus, que possa auxiliar a promover esta avaliação e a compreensão da influência deste contexto social. “É preciso dar ênfase e compreender dentro da particularidade de cada indivíduo”, complementa.

Confira a programação completa do evento realizado nos dias 29 e 30 de novembro

 

 

Topo