História do Campus – Campus Palmas
O Campus Palmas História do Campus

História do Campus

Última atualização:

Copiado!

O Instituto Federal do Paraná (IFPR) é uma instituição pública federal de ensino vinculada ao Ministério da Educação (MEC) por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec). É voltada para a educação superior, básica e profissional, especializada na oferta gratuita de educação profissional e tecnológica nas diferentes modalidades e níveis de ensino.

A instituição foi criada em dezembro de 2008 através da Lei 11.892, que instituiu a Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica e os 38 institutos federais hoje existentes no país. Com a Lei em vigor, a Escola Técnica da Universidade Federal do Paraná (ET-UFPR) foi transformada no IFPR, que hoje possui autonomia administrativa e pedagógica.

O Campus Palmas nasceu da desapropriação dos bens imóveis e laboratoriais do Centro Universitário Católico do Sudoeste do paraná – UNICS, instituição de natureza privada, mantida pelo Centro Pastoral Educacional e Assistencial Dom Carlos – CPEA, ligado a Mitra Diocesana de Palmas-Francisco Beltrão.

No início de 2009 a administração do CPEA/UNICS, passou a focar-se na inclusão da IES no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná, programa novo do Governo Federal de Expansão do Ensino Superior, Técnico e Tecnológico lançado em dezembro de 2008. Esta iniciativa contou desde o princípio, com a integração de lideranças políticas locais, regionais e nacionais, pessoas representativas de diversos movimentos, associações e outras, que deixando de lado ideologias, agremiações partidárias se uniram em torno da causa da Federalização do Unics, por entenderem que esta conquista seria uma importante alavanca para o desenvolvimento de Palmas e Região.

Em 17 de março de 2010, aconteceu no campus II, do Centro universitário Católico do Sudoeste do Paraná – UNICS, o ato oficial de desapropriação dos bens imóveis e laboratoriais do UNICS e a instalação do Instituto Federal, Ciência e Tecnologia do Paraná – IFPR – Complexo Tecnológico D. Agostinho José Sartori.

No dia 14 de junho de 2010, a secretaria de educação Superior do Ministério de Educação, através da Portaria nº 728/2010, publicada no DOU nº 112 de 15 de junho de 2010, aprovou a incorporação dos cursos e alunos pelo IFPR e declarou extinto o Centro universitário Católico do Sudoeste do Paraná – UNICS.

Atualmente, o IFPR Campus Palmas oferece à comunidade 2 Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio, 13 Cursos Superiores e 3 Cursos de Pós-Graduação. Conta com aproximadamente 2300 alunos, mais de 150 docentes e 50 técnicos administrativos e com cerca de 120 projetos de pesquisa, extensão e inovação cadastrados no Comitê de Pesquisa e Extensão (COPE).

Topo

Opinião

Sua opinião é importante para melhorar o site do IFPR.
Responda o questionário e nos ajude a fazer um site cada vez melhor.