Superintêndencia da Pesca e Aquicultura e IFPR divulgam a Semana do Peixe para todo o Brasil – Instituto Federal do Paraná

Notícias

Superintêndencia da Pesca e Aquicultura e IFPR divulgam a Semana do Peixe para todo o Brasil

Publicado em

Copiado!

Na última quinta-feira (15) o Instituto Federal do Paraná (IFPR) realizou uma gravação com o superintendente federal da Pesca e Aquicultura do Paraná, José Wigineski, para divulgação da 8º edição da Semana do Peixe. O vídeo será exibido durante todo o período do evento – que se encerra em 24 de setembro – nas aulas dos cursos Técnico em Pesca e Técnico em Aquicultura da modalidade de Ensino a Distância (EaD). 

As teleaulas são transmitidas para 50 pólos do EaD em todo o Brasil, atingindo mais de dois mil alunos. Wigineski orientou que os interessados procurem a Superintendência Federal da Pesca e Aquicultura do seu estado para adquirir cartilhas e cartazes para a divulgação da Semana do Peixe. O recado é direcionado aos coordenadores, professores, tutores e alunos do IFPR. “É uma semana de conscientização e vocês, como instrumento da educação, podem contribuir para que a população perceba que consumir peixe faz bem para a saúde”, disse.

O superintendente também informa que a participação na divulgação contará como prática profissional. “Sabemos que no curso está previsto 720 horas de prática profissional e a coordenação nos passou que todo estudante que participar ativamente na Semana do Peixe, seja em organização de grupo de pescadores, orientação de manuseio do pescado, incentivo ao consumo ou de outra forma, terão as horas computadas para a prática profissional”

A Semana do Peixe é um evento organizado pelo Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) em parceria com o Ministério da Saúde. Recebe ainda apoio da Agência Nacional de vigilância Sanitária (Anvisa), Associação Brasileira de Supermercados (Abras) e Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).

Capacitação

Os cursos Técnico em Pesca e Técnico em Aquicultura têm como objetivo principal elevar o nível de escolaridade e qualificar tecnicamente pescadores e aquicultores, contribuindo para o aprimoramento das suas atividaes práticas e para a construção de um modelo de desenvolvimento sustentável para o setor.

O coordenador geral dos cursos Técnico em Pesca e Técnico em Aquicultura, Otávio Bezerra Sampaio disse que a participação do superintendente nas teleaulas reforça a parceria do IFPR com o MPA. “É uma forma objetiva de participar deste evento, informando, orientando e dando suporte para os nossos professores e tutores”, afirma.

Topo